Cidadania

Erradicação do Trabalho Infantil: Campanha de Carnaval conscientiza usuários e operadores da BA-099

Concessionária Litoral Norte (CLN) participa da iniciativa em parceria com a Plan International Brasil e o Ministério Público da Bahia

A Bahia é o terceiro estado do Brasil com maior número de casos de trabalho infantil. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o estado tem cerca de 250 mil crianças e adolescentes entre cinco e 17 anos, em situação de trabalho infantil. Em todo o país, são quase 2,5 milhões. Justamente para mudar essa realidade, a Concessionária Litoral Norte (CLN), uma empresa do grupo Invepar Rodovias, participa com a Plan International Brasil de uma campanha durante o Carnaval voltada à erradicação do trabalho infantil.

A iniciativa é realizada em parceria com o Ministério Público da Bahia e busca conscientizar os usuários da BA-099 e os colaboradores da CLN sobre o tema. Para isso, serão distribuídas ventarolas na Praça de Pedágio ilustradas com a temática da campanha, além de exposição de mensagens educativas nos painéis de LED da praça. Mais de 20 mil motoristas serão impactados. Paralelamente, cerca de 120 colaboradores da CLN estão sendo orientados pela Plan International Brasil com o objetivo de reconhecer e combater a exploração do trabalho infantil.

“Na orientação para os colaboradores da empresa buscamos desmistificar o olhar que muitas vezes se tem sobre a exploração sexual e o trabalho infantil em situações que às vezes são entendidas como forma de ajuda e que a vítima escolhe estar ali. Além disso, diferenciamos abuso sexual de exploração sexual, que também é uma das piores formas de trabalho infantil. Por fim, damos ferramentas para que as pessoas possam denunciar de maneira anônima”, explica Sara Oliveira, gerente de projetos da Plan International Brasil na Bahia.

Para o coordenador de comunicação e sustentabilidade da CLN, Loran Santos, participar da campanha é uma oportunidade para sensibilizar os colaboradores e os motoristas sobre esse problema social. “Esperamos que todos impactados por esta iniciativa possam olhar com atenção a realidade do trabalho infantil e acionar a rede de proteção das crianças e adolescentes, tendo em vista a garantia de direitos,” salientou Loran.

americanas.com.br
Catho

Para denúncia de casos de trabalho infantil, disque 100. O canal é gratuito e o anonimato é garantido.

Sobre a CLN

A Concessionária Litoral Norte (CLN), uma empresa Invepar Rodovias, administra a rodovia BA-099, que compreende a Estrada do Coco (a partir do km 7,7) e a Linha Verde, conectando Lauro de Freitas até a divisa dos estados da Bahia e de Sergipe, com extensão total de 217km, entre 183km de rodovias e 35km de vias de acesso. A concessionária presta serviço para o Governo da Bahia e é fiscalizada e regulamentada pela Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia. Atualmente, a empresa gera cerca de 400 empregos diretos e indiretos e já repassou mais de R$ 26 milhões em impostos para os municípios da região.

Sobre a Plan International Brasil

A Plan International chegou ao Brasil em 1997. Desde então, se dedica a garantir os direitos e promover o protagonismo das crianças, adolescentes e jovens, especialmente meninas, por meio de seus projetos, programas e ações de incidência e de mobilização social. Tem também viabilizado condições de subsistência em comunidades que sequer tinham acesso a recursos essenciais, como a água. Implementamos projetos no Maranhão, no Piauí, na Bahia e em São Paulo. Nossas estratégias, atuando em rede com outras organizações do terceiro setor e movimentos sociais, têm pautado as demandas das meninas em novos espaços do Legislativo, Executivo e na sociedade civil, alcançando todo o território nacional. Considerada uma das organizações mais confiáveis do país, a Plan International Brasil recebeu em 2019 a certificação A+ no Selo Doar de Transparência.

Mais informações: www.plan.org.br


Fonte: Agerba

Catho
americanas.com.br
Catho
Catho
americanas.com.br

Siga-nos no Twitter

%d blogueiros gostam disto:
/* ]]> */